Atum Tenório

Sobre as coisas que para aí andam e nos caem à frente.

sexta-feira, junho 06, 2008

nota: o rapaz perdido na selva

Diz-me, criatura dos meus sonhos mais profundos, personificação do desejo, o teu chá ainda é tão maravilhoso quanto antes? - perguntou o rapaz, semi-demente pela humidade e as picadas dos mosquitos.

Claro, meu rapaz, claro - respondeu sorrindo o impecavelmente bem apresentado canibal da Nova-Guiné educado em Oxford.