Atum Tenório

Sobre as coisas que para aí andam e nos caem à frente.

quinta-feira, fevereiro 22, 2007

nota: morre, vilão!



Nada temerei vilão enquanto puder empunhar a minha arma mortal. Teme a minha ira, criatura das profundezas, quando te enviar fumegante para os confins do espaço!

[Apontamento] Rayguns