Atum Tenório

Sobre as coisas que para aí andam e nos caem à frente.

segunda-feira, dezembro 04, 2006

nota: vestigio de uma miragem

o pequeno Ansaldo triturava contente o cascalho seco debaixo das lagartas metálicas, inebriado pelos vapores de gasolina que libertava ao transpirar. de vez em quando lá descobria um ninho de insurrectos que tratava de aspergir com as labaredas do seu pequeno canhão, rindo-se com um divertimento cruel e infantil. encontrei-o anos mais tarde, perdido no meio dessas montanhas cauterizadas pelo sol, enferrujando lentamente sob o vento ameno do fim de tarde, perdido nas memórias do imperialismo Italiano.
[Apontamento] Ansaldo