Atum Tenório

Sobre as coisas que para aí andam e nos caem à frente.

quarta-feira, março 09, 2005

nota: luz e barulho


o interminitente da luz flurescente foi-lhe canalizado directamente para os ouvidos e o volume subido ao máximo. àquela potência, a frequência de ataque queimou-lhe todos os fusíveis, matando as inibições. no fim a sua apreciação do silêncio tinha-se modificado para sempre. e de caminho ficou viciado em ruído.