Atum Tenório

Sobre as coisas que para aí andam e nos caem à frente.

quinta-feira, outubro 21, 2004

Nota: acordar

nosúbitoabrirdos:OLHOS, deu de caras com a alva brancura do tecto, cruzado na horizontal do pontilhado dos estores. pensou muito devagarinho e esperou, observando curioso, o arrastar do resto do corpo para a consciência.